quinta-feira, 24 de março de 2016

As 10 cidades alemãs com o aluguel mais barato para estudantes (e as 10 com o aluguel mais caro)

Reichstag building Berlin view from west before sunset.jpg
Por Jürgen Matern - Obra do próprio (JMatern_071104_8454-8458_WC.jpg), CC BY-SA 3.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=3064083

Wohngemeinschaft (mais conhecido como WG) é um tipo de moradia muito comum entre os estudantes na Alemanha e nada mais é, como o próprio nome diz, uma moradia compartilhada, isso facilita a vida dos estudantes por ser infinitamente mais barato dividir o aluguel com outras pessoas, muito parecido com as "repúblicas" no Brasil.

quarta-feira, 2 de março de 2016

Alemanha - Os mais Belos Jardins e Parques para visitar na primavera

A primavera na Alemanha começa oficialmente dia 20 de Março e nos meses seguintes as temperaturas variam entre 8 e 21 graus Celcius. Se por um lado esse clima ainda não permita ir se esbanjar em uma das várias piscinas espalhadas pelo país por outro lado os casacos pesados já voltaram para o armário e o Sol tímidocomeça a aparecer, hora de passear um pouco ao ar livre.

Se você visita a Alemanha nessa época do ano, uma boa pedida é visitar um dos belos Jardins e Parques e tudo que eles tem para oferecer nessa época do ano.

A seguir alguns dos meus lugares favoritos que vão deixar vontade com uma vontade louca de estar lá agora admirando as flores, sentad@ na beira de um dos lagos relaxando ou lendo um livro ao som dos passarinhos :)  

terça-feira, 1 de março de 2016

O passaporte alemão é o mais poderoso do mundo


De acordo com um estudo anual da consultora Henley & Partners o passaporte alemão é o mais poderoso do mundo, ele permite a entrada sem visto em 177 países e ocupa o primeiro lugar do ranking, isolado, pela primeira vez. Em 2015 ele dividia o primeiro lugar com o passaporte britânico que caiu para a terceira posição e foi ultrapassado pelo passaporte Sueco.
O Brasil surge em 21.º lugar no ranking, ao lado da Bulgária e da Romênia

Essas são as 10 primeiras posições (que conta com alguns empates):

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

E se você tivesse nascido na Alemanha ao invés do Brasil?

Provavelmente a maioria de nós já nos fizemos essa pergunta, pois bem, o site “If It Were My Home” mostra pra você através de algumas comparações o que mudaria na vida de um brasileiro se ele tivesse nascido por exemplo na Alemanha (entre outros países) o site usa dados de entidades como CIA World Factbook, Organização Mundial da Saúde (OMS) e da Organização das Nações Unidas (ONU).
O site é todo em inglês e você pode fazer a comparação entre diversos países, veja a comparação Brasil x Alemanha:

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

A vila alemã onde o aluguel nunca aumentou desde 1520

Fuggerei ficou famosa em 2008 quando o jornal Wall Street Journal fez uma visita à histórica vila alemã. Neste lugar a renda continua a mesma, desde o ano 1520.

Lá vivem 142 moradores numa comunidade fechada na cidade de Augsburg, onde orar três vezes por dia é um requisito e as portas são pontualmente trancadas às 22h00. E qual é o custo de viver numa das 67 casas ou 147 apartamentos da pequena aldeia? 88 centavos de euro por ano.

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

18 estantes de troca de livros na Alemanha que vão te inspirar a ler

Na Alemanha as cabines/estantes de troca (ou empréstimo) de livros já são uma tradição e para quem ainda não conhece, essas cabines podem ser encontradas por toda a Alemanha ao ar livre mesmo pelas calçadas da cidade, e funcionam assim: Você pega um livro do seu interesse, lê e depois devolve, ou pega aquele livro que você já leu e está lá parado em casa e doa, apenas levando e colocando dentro da estante. Pronto. 24 horas por dia, de graça sem nenhum controle, sem chaves e tudo na base da confiança. 

E se você quer encontrar alguma dessas aí onde você mora o site Tauschgnom está aqui pra te ajudar, nele estão listados mais de 400 estantes espalhadas pela Alemanha dividido por estado.

Agora para te dar vontade de explorar seguem algumas das estantes mais legais:

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Bad Camberg e a Estrada Enxaimel

Cidade Velha
O Enxaimel, ou Fachwerk, é uma técnica de construção que consiste em paredes montadas com hastes de madeira encaixadas entre si em posições horizontais, verticais ou inclinadas, cujos espaços são preenchidos geralmente por pedras ou tijolos. -Wikipédia

A Estrada Enxaimel Alemã (Deutsche Fachwerkstraße) fundada em 1990 é uma rota turística que tem início no rio Elbe, no norte e segue até a Floresta Negra no sul. Ao longo desta estrada existem várias cidades e vilas, cada uma com inúmeras casas em estilo enxaimel. Ela atravessa seis estados federais (Niedersachsen, Sachsen-Anhalt, Hessen, Thüringen, Bayern e Baden-Württemberg). O seu comprimento total é de cerca de 3.000 km.  

Übersichtskarte Deutsche Fachwerkstraße 2014.jpg
Übersichtskarte Deutsche Fachwerkstraße 2014“ von Wolfgang A. Köhler - Eigenes Werk. Lizenziert unter CC BY-SA 3.0 über Wikimedia Commons.

Bad Camberg - Trecho em Hessen


 Bad Camberg é uma cidade com cerca de 15mil habitantes e está localizada no estado de Hessen à 44km de Frankfurt am Main. Por conta da sua cidade velha super bem preservada foi incluída na Rota das casas Enxaimel.


O ponto turístico mais popular da cidade é o Amthof. A casa se estende em uma fachada de 155 m, e é uma das maiores estruturas do estilo em Hessen. Ele foi construído em 1605 sobre as fundações de um antigo edifício. Nos anos que se seguiram, até 1669, foi expandida e os três edifícios anteriormente separados foram fundidos em uma grande estrutura.





Das fortificações antigas sobraram apenas restos. O Obertorturm (32 m de altura, construído por volta de 1380) e o Untertorturm, dois portões da cidade, são tudo o que resta das 13 torres que um dia cercaram a cidade.
Untertorturm
Obertorturm
Outro edifício importante é o Altes Amt Apotheke cuja fundação data de 1330 e que foi reconstruída em 1492. 


Na cidade velha é onde se concentra a maior quantidade das charmosas casinhas. A maioria delas foram construídas entre o século 15 e 18.